logo

Mapeamento de retina: o que é e para que serve?

Mapeamento de retina: o que é e para que serve?

O exame analisa com precisão as estruturas fundamentais do olho humano e é capaz de identificar uma série de doenças de forma rápida e indolor. Acompanhe esta leitura e saiba mais sobre a importância do mapeamento de retina!


O que é o mapeamento de retina?

O exame é uma avaliação que, além da retina central, averigua as condições de estruturas como a retina periférica, o nervo óptico, os vasos sanguíneos e o vítreo. É um procedimento rápido e indolor capaz de identificar alterações provocadas por doenças oculares (como glaucoma, inflamações, deslocamento de retina, entre outras) ou doenças sistêmicas (como diabetes, hipertensão arterial, entre outras).

As imagens das retinas obtidas por este exame são de alta resolução e, por isso, várias doenças podem ser detectadas ainda em estágio inicial.

Como é feito o exame?

O mapeamento de rotina é feito pelo oftalmologista a partir do oftalmoscópio indireto binocular, um aparelho que será posicionado a 15 centímetros projetando uma luz que deverá chegar ao fundo do olho do paciente. Essa luz irá incidir sobre uma lente convergente de grande aumento colocada entre o olho e o oftalmoscópio. Dessa forma, será possível analisar todas as estruturas internas do órgão.

Na maior parte dos casos, o oftalmologista dilata a pupila do paciente.

Quando o exame é indicado?

O mapeamento de retina deveria ser realizado em todas as consultas devido a sua capacidade de diagnosticar doenças que ainda não manifestaram sintomas. 

Torna-se indispensável nas seguintes situações:

  • Em recém-nascidos que nasceram com 32 semanas ou menos e com peso igual ou menor que 1.500 gramas;
  • Em pacientes acima de 50 anos de idade;
  • Em pacientes com quadro de miopia ou glaucoma;
  • Em diabéticos, hipertensos ou pacientes com doenças reumáticas;
  • Em casos de diminuição da visão, suspeita de retinopatias, alterações na retina e no nervo óptico e após traumas ou lesões nos olhos;
  • Entre outras.
Quais doenças podem ser detectadas?

Os principais problemas detectados pelo mapeamento de retina são:

  • Glaucoma;
  • Tumores;
  • Inflamações, lesões ou degenerações da retina.

Além disso, o exame permite a identificação e acompanhamento de doenças reumáticas, hematológicas e neurológicas, bem como da hipertensão arterial e da diabetes.

Agende uma consulta com o Oftalmologista e faça seu mapeamento de retina! Clique aquie escolha um horário na Clínica Vittá Goiânia!



Utilizamos cookies essenciais e tecnologias para oferecer melhor experiência e conteúdos personalizados, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.


Li e aceito as políticas de privacidade.
Agendamento Online
Clique para Ligar