logo

Junho Laranja: saiba quais são os sintomas da anemia e da leucemia

Junho Laranja: saiba quais são os sintomas da anemia e da leucemia

O mês é marcado por ações que visam informar a população sobre a saúde do sangue. Saiba mais sobre o Junho Laranja! 

 

O que é o Junho Laranja? 

Antes de mais nada, o Junho Laranja é o mês dedicado à conscientização sobre a anemia e a leucemia. Afinal, ambas alterações são as mais frequentes no sistema circulatório humano.  

Além de disseminar informações sobre elas, o Junho Laranja tem como intuito incentivar a doação de sangue, de plaquetas, bem como o cadastro em bancos de medula óssea. Dessa maneira, mais pessoas diagnosticadas podem receber ajuda, ampliando a oportunidade de cura.  

Inclusive, o mês também é marcado pelo Junho Vermelho, visando ampliar o número de doadores de sangue em território nacional. Já no dia 14/06 é comemorado o Dia Mundial da Doação de Sangue. 

 

O que é a anemia? 

A anemia poder ser definida, sobretudo, como o quadro caracterizado pela redução de glóbulos vermelhos no sangue. Dessa forma, a capacidade de transporte de oxigênio pelo organismo é potencialmente prejudicada.  

O problema pode se manifestar tanto devido a causas genéticas quanto a causas secundárias. Por exemplo, por carências nutricionais, como a falta de vitamina B12, ou após o diagnóstico de doenças, sangramentos ou alterações no metabolismo do ferro. 

 

Sintomas da anemia 

Os sinais de alerta comumente anunciados para a doença durante o Junho Laranja são: 

 

▪ Fadiga; 

▪ Palpitações; 

▪ Falta de apetite; 

▪ Formigamento nas extremidades (mãos e pés); 

▪ Desejo de ingerir substâncias não alimentares; 

▪ Falta de ar; 

▪ Dor no peito; 

▪ Tontura. 

 

Além disso, a anemia é mais recorrente entre crianças, mulheres em fase reprodutiva, gestantes e lactantes. Nesse sentido, é imprescindível se consultar regularmente com pediatras e ginecologistas 

 

O que é a leucemia? 

Outro alerta do Junho Laranja tem a ver com a leucemia, câncer que afeta a saúde dos glóbulos brancos. Isso significa que a medula óssea dos pacientes diagnosticados produz blastos em excesso. Estes são classificados como células anormais e imaturas. Sem dúvida, a leucemia é um dos tipos de câncer mais comuns no mundo e em crianças. 

 

Sintomas da leucemia 

Antes de mais nada, os sintomas podem variar conforme o estágio e o tipo dessa doença. No entanto, são sinais frequentes: 

 

▪ Febre sem motivo aparente; 

▪ Dor nos ossos e nas articulações; 

▪ Sudorese noturna; 

▪ Perda de peso e de apetite; 

▪ Fadiga; 

▪ Sangramentos e hematomas. 

 

Em consulta com clínicos gerais, se houver suspeita de leucemia após análise dos exames, os pacientes são encaminhados para o tratamento adequado com especialistas. 

 

Como cuidar da saúde do sangue? 

Sem dúvida, a anemia pode ser evitada ao consumir alimentos ricos em ferro, vitamina B12, ácido fólico e vitamina C. Portanto, invista em: brócolis; ovos; feijão; carne vermelha; peixe; frutos secos; e morangos. 

Em relação à leucemia, uma vez que em boa parte dos casos não são detectados fatores de risco, ela raramente pode ser prevenida. 

Porém, vale a pena cuidar bem do sistema circulatório, adotando uma alimentação balanceada, praticando atividades físicas e evitando o consumo de tabaco e álcool. 

 

Participe do Junho Laranja compartilhando essas informações com amigos e familiares. 

 

Além disso, não deixe de checar a saúde do seu sistema circulatório todos os anos. Agende uma consulta na Clínica Vittá e faça seus exames no mesmo lugar! 

 

Siga nosso perfil no Instagram! 

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias para oferecer melhor experiência e conteúdos personalizados, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.


Li e aceito as políticas de privacidade.
Fale pelo WhatsApp
Agendamento Online
Clique para Ligar